Paraibano: Dia de finados, cemitério deve receber grande número de visitas.

Em busca de concentração, muitos parentes fizeram as visitas bem cedo.
leo lasan
Prefeitura instalou novo cruzeiro.     Foto:Leo Lasan

Momento de oração, lembranças e homenagens. O Dia de Finados é uma data marcante para pessoas de todos os tipos de crenças e religiões, que enchem o cemitério municipal São Sebastião em Paraibano, com as visitas aos túmulos de entes queridos. As visitas começaram durante a semana, quando parentes foram limpar e arrumar os túmulos, ainda hoje foi visto pessoas organizando o local.

Para receber o público, comerciantes e funerárias, prepararam os comércios ou montaram barracas com objetos a exemplo de velas, coroas de flores, água, e atendimento de aferição de pressão arterial, etc.

20171102_064244
Cemitério São Sebastião – Paraibano. Foto hoje pela manhã 01/11/2017.   Leo Lasan.

O cemitério abriu hoje antes das cinco da manhã e funciona até às 19:30h. Desde cedo que familiares estão visitando os túmulos, orando e acendendo velas. Muitos vieram de longe, a exemplo do Sr. Manoel Zacarias Nolêto pai de Zé Santana Secretário Estadual de Assistência Social do Piauí, que esteve no local antes das 7 horas da manhã. Senhor Manoel tem entes queridos sepultados no cemitério São Sebastião em Paraibano.

20171102_063210O local do cruzeiro, que há mais de ano não era visitado por falta do símbolo religioso (que queimou com as chamas das velas acesas por anos), agora volta a ser utilizado, um novo cruzeiro foi construído e colocado pela Prefeitura de Paraibano, depois de uma indicação do vereador João Marcelo a pedido de populares.

Não existe uma estimativa da quantidade de pessoas visitando o cemitério, mais são muitas famílias que visitam o local, o que pode passar de mil, neste Dia de Finados.

Não haverá missa no cemitério, o pároco da cidade Iran Brito postou uma nota nas redes sociais com a seguinte informação: “Hoje é dia de FINADOS. Dia da recordação e da memória do coração. Dia de bendizermos a Deus Princípio e acabamento da nossa existência por ter nos dado pessoas queridas que, embora não as tendo mais conosco de modo físico, permanecem presentes porque foram dons de Deus no nosso caminhar…  A Paróquia de Paraibano vive este momento junto ao povo que compõe. E como Igreja de Jesus Cristo – semente do Verbo que somos, rezaremos20171102_064111 em sintonia com todos, ouvindo a Palavra de esperança de salvação. “Confiemo-nos ao Senhor. Ele é justo e tão bondoso”. PARTICIPEMOS DA MISSA DEDICADA À NOSSOS ENTES QUERIDOS. SERÁ AS 19:00 H. NA IGREJA MATRIZ. CONVOQUE A TODOS PARA ESTE MOMENTO DE INTIMIDADE COM DEUS DA VIDA. CRISTO REI ABENÇOE VOCÊ E SUA FAMÍLIA.

Em depoimento ao site, o Padre Iran Brito disse que este ano o motivo de não ser celebrada a missa no cemitério é que por ser um momento de emoção, muitos parentes ficam concentrados, em reflexão e homenagens em frente ao túmulo de entes queridos e a missa fica dispersa. Outra razão explicada pelo padre é sobre a questão higiênica do cemitério, que por ser um local onde pode estar exposta bactérias e outros micróbios, não é propício a celebração da eucaristia: “Dessa forma a gente achou melhor realizar a missa na igreja matriz, onde todo mundo fica afinado com a ideia central da missa do Dia de Finados” afirmou Iran Brito, pároco de Paraibano.

A tarde é esperado um movimento maior de pessoas visitando o cemitério neste dia de finados.

20171102_063116